sexta-feira, 5 de junho de 2009

12 DE JUNHO - DIA DOS NAMORADOS




O ROMANTISMO DE TODOS NÓS

           Hoje, dia dos namorados, criei este post de presente para a Maria Inês e, em vez do meu conteúdo, História, resolvi falar de Literatura. Com o Romantismo fazer um apaixonada declaração de amor e, com o Realismo, aproveitar minha praticidade e transformá-la em uma aula de Literatura com personagens reais.
           Se quisesse ser apenas romântico, bastaria estampar em letras garrafais, no topo do blog... "EU TE AMO” ou, com a mesma frase, colocar um Outdoor em uma via movimentada aqui de minha cidade, mas minha objetividade e racionalidade inibe, acho banal, sentimental demais
           Contraditoriamente, sou um homem de contexto, fruto do ambiente cultural em que vivo e, dentre outras influências, assisto novelas da Globo e filmes de Hollywood, e não precisa ir longe, aqui mesmo no blog, exibo, orgulhosamente, minha caricatura de Dom Quixote, já que gosto de estar sempre associado à imagem de sonhador
.
           Só esta ambiguidade subjetiva já me distingue como romântico, e se olharem o que escrevo irão constatar outra característica, estou sempre supervalorizando minhas emoções, inequivocamente, outro atributo do Romantismo.
           Mas, sou um romântico diferente, tenho consciência destas exaltações pessoais, sem perder, contudo, na prática, o amor ao próximo e a consciência do coletivo, por isso, consigo transitar, sem o menor problema, entre uma e outra corrente.
           Esta facilidade me permite observar e analisar com muita objetividade que a principal causa da alienação humana é a falta de mobilidade entre o sonho e realidade, já que a realidade é uma prisão em si, e, por isso, exige fuga e, da mesma forma, o sonho, sem estar conectado a esta realidade não passa de um escapismo.
           Talvez seja por isso eu goste tanto das personagens de Cervantes, Dom Quixote e Sancho Pança representam a síntese desse necessário equilíbrio entre o sonho e realidade.
           Mas, deixando de lado esta pseudodidática literária, já que entendo muito pouco de Literatura, dizer que menti para impressionar e, a pretexto de falar sobre o Romantismo, quis foi espalhar por este espaço virtual o meu “feromônio digital” com o único propósito de atingir, atrair e impressionar o grande amor da minha vida, e confessar, da maneira mais romântica que a data exige, que sou extremamente apaixonado, que amo desvairadamente àquela que sempre deu rumo, sentido e cor à minha vida.
           Já que "uma imagem fala mais do que mil palavras", criei um presente especial para a data, confeccionado por meu coração ainda adolescente.

Clique AQUI para ver outra declaração apaixonada

           Convido todos a entrar comigo no meu túnel do tempo:

14 comentários:

Tati Martins disse...

Linda a declaração de amor, Fernandão. Curta muito esse dia com sua eterna namorada.
Parabéns!
Um beijinho,
Tati

conversadeportugues disse...

Fernandão, parabéns pelo belíssimo texto. Palavra de quem entende muito de literatura, pois trabalha com ela: ficou sensacional!!
Infelizmente, não consegui visualizar o slide, pois minha conexão amanheceu rebelde.
Um abraço,
Andréa Motta

Miriam disse...

Parabéns, professor! Adorei o vídeo com o fundo musical do Taiguara. Lindíssimo! E achei sua família muito bonita.
Beijos!

Fátima Campilho disse...

Nossa, Fernandão,que amor mais lindo!
Abraços emocionados

Semíramis Alencar disse...

Fernandão, fiquei emocionada, linda homenagem, parabéns! O que nos faz felizes e realmente realizados é ver as alegrias durante tanto tempo, não é mesmo? é o aprender, dividir pequenas e grandes alegrias, pensamentos e dúvidas e ver o horizonte em pensamentos do verdadeiro amor
Felicidade é envelhecer ao lado da pessoa amada!
Feliz Dia dos Namorados para vcs!Que essa alegria dure para todo o sempre!!!

HG INFORMÁTICA disse...

Parabéns !!!!

Um lindo amor deve ser assim sempre intenso .

Abraços
Roberto Carvalho

Conceição EJA disse...

Oi Fernando

Um outdoor era pouco! Parabéns pela declaração pública de seu amor. Feliz dia dos namorados!

Elis Zampieri disse...

Olá querido amigo, apesar de já conhecer, me encantei outra vez com a postagem. Ficou mesmo linda. Parabéns, a você pela homenagem, a vocês pelo amor que construíram.
Grande beijo.
Elis

Roseli Venancio Pedroso disse...

Oi Fernando,
Novamente me comovi com sua sensibilidade e franqueza em expor seu amor por sua eterna namorada. Isso é lindo. Isso é raro. Ainda mais nos dias de hoje em que expor sentimentos é considerado "brega" e por muitos, como sinal de fraqueza. Pois eu te digo: só mesmo um verdadeiro homem tem essa coragem de falar do amor, de seus sentimentos por sua amada. O amor nunca estará fora de moda meu amigo. Adorei!!!
Bjs

Marli disse...

Fernando!

Depois me conta como foi quea maria Inês reagiu com essa maravilha de declaração. Desejo toda felicidade do mundo a vocês dois que são lindos. Abraço!

Franz disse...

Fernandão, agora estou revendo com mais calma tua postagem declaratória.
Vc. produziu uma bela página no seu 'livro', meu companheiro. Mas o mais importante é que continuas escrevendo ela. Parabéns!
Franz

pedagogica mente blogando disse...

Ah.....se todos fossem iguais a vocês!!!!!!!!
Realmente é uma paixão que sensibiliza: um casal apaixonado, uma família linda...o que mais pedir da vida??????Você está com tudo!
bjsssss aos dois! vera

Beth Vitória disse...

Fernando...como vai? Ando sumida,pois sem querer deletei os meus links interessantes do Outra Revista...agora aquela trabalheira para repor a lista novamente...e todas às vezes que vou tentar consertar por insegurança acabo errando alguma coisa...

Sua página renovada...um barato!

Chikita Bakana disse...

Fernando, além do texto excelente e muito bem construído, estou aqui em prantos após ver este seu "túnel do tempo", pois eu eu sei que é real e atual.
Eu também posso dizer que eu conheço e vivo um amor assim, por isso acredito que "ele" existe.
Já tinha ouvido falar muito de você, e bem, mas não sabia que era o maridão da minha querida amiga Inês...tá explicado: com a união de duas pessoas especiais, o universo conspirou a favor!!!
Bjs em você e na sempre querida Maria Inês...

Rita Barroso